A Biblioteca de Paris by Janet Skeslien Charles

Ler a Janet S. Charles foi um prazer, a precisão com que aprofunda os sentimentos e intenções das personagens, é, em certas passagens, admirável. Sente-se o crescendo da história no livro, no entanto senti, aqui e ali, alguma falta de coerência nas passagens e hesitação nos avanços.

Outra coisa que atrapalhou foi, a meu ver, a tradução: em alguns casos foi tão literal, que a minha mente evocava imediatamente a expressão inglesa – e fugia do contexto da história, perdendo, por segundos, a concentração e o fio à meada…

Serão talvez defeitos meus como leitora, que não interferiram muito na leitura.

Gostei bastante.


Sinopse

Paris, 1939. A jovem Odile Souchet tem tudo: um bonito namorado polícia e um emprego de sonho na Biblioteca Americana em Paris. No entanto, quando a guerra estoura e os nazis marcham sobre a cidade, Odile corre o risco de perder tudo o que é importante para ela, incluindo a sua amada biblioteca. Porque os livros contêm palavras proibidas e ideias que devem ser destruídas, sabe que, nos momentos difíceis, os templos da cultura estão em perigo.

(…) Com os seus companheiros, junta-se à Resistência com as melhores armas que possui: os livros. Coloca o centro à disposição dos judeus: expulsos das suas casas, sentem-se seguros entre os livros, e Odile defendê-los-á, custe o que custar. (…)

Montana, 1983: Lily é uma adolescente solitária em busca de aventura. A sua velha vizinha solitária desperta-lhe o interesse. (…)





View all my reviews

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.